Sesriem, Sossusvlei e o que não fazer

sesriem-1
Estrada de cascalho rumo a Sesriem.
sesriem-7
Oryx ignorando a cerca na beira da estrada.

Seguindo Norte a partir de Luderitz, tomamos o rumo de Sesriem por mais um estrada de cascalho, uma das mais longas que enfrentamos durante a viagem. Sesriem é um pequeno assentamento conhecido por ser porta de entrada para o Namib-Naukluft National Park. No parque estão localizadas as atrações mais famosas da Namíbia, como o Sossusvlei, uma região dentro do deserto do Namib onde antes escoava o rio Tschaub, mas que hoje guarda somente os resquícios dessas inundações: depósitos brancos de argila e sal que surgem em meio ao deserto vermelho. O nome Sossusvlei teoricamente designa somente um desses depósitos, mas o termo é muitas vezes usado para falar de toda a região, incluindo outros vlei (áreas de empoçamento de água, que são ou já foram pantanosas), sendo o mais famoso deles o Deadvlei, um dos símbolos da Namíbia.

DSC01294-18
Dunas na beira da estrada que liga a entrada do parque ao Sossusvlei.

DSC01284-10DSC01165-2

Em Sesriem escolhemos novamente ficar em um acampamento dentro do parque, o que se confirmou uma excelente ideia, pois tínhamos acesso às atrações em horários especiais já que os portões também fechavam na hora do pôr-do-sol. Ao pesquisar sobre a região li em mais de um lugar para reservar no mínimo duas noites, pois existiam diversas coisas para se ver e a maioria das atividades são cansativas. Ignorando minha intuição e os conselhos que li, reservei somente uma noite e… Me arrependi muito! O conselho é extremamente válido: são necessários no mínimo dois dias para se conhecer todos os pontos de interesse. Aprendi a primeira coisa a não se fazer e exatamente por isso não vi tudo o que queria.

DSC01227-7DSC01231-17DSC01288-HDR-11

O acampamento de Sesriem é um dos mais completos da NWR, tem um restaurante que serve as refeições principais e uma boa loja de suprimentos. Quando fomos estava muito cheio por três motivos: era alta temporada, as atrações ao redor são as mais famosas do país e a localização dentro do parque é privilegiada. A estadia no camping foi bem tranquila, tínhamos uma vaga espaçosa embaixo de uma grande árvore e, como em toda a Namíbia, os animais estavam sempre presentes. O animal mais comum de se ver são os oryx, que caminham livremente pelo acampamento, mas não representam qualquer ameaça, pois são medrosos e fogem antes que alguém tente qualquer interação. Acordando no dia seguinte notamos diversas pegadas de animais ao redor da barrada e do nosso carro, mas não conseguimos identificar quais animais passearam ali.

SesriemIMG_7784-2

O deserto do Namib, onde se encontra o parque Namib-Naukluft, é conhecido por ser o mais antigo do mundo: é estimado que tenha 5 milhões de anos. Além dos vlei, algumas das grandes atrações da região são exatamente as dunas, que estão entre as maiores do mundo. Localizada no km 45 da estrada que liga a entrada do parque à entrada do Sossusvlei fica a Dune 45, uma das mais emblemáticas do parque por sua altura e também por ser facilmente vista – e fotografada – da própria estrada.

É uma tradição subir a duna para ver o nascer ou o por do sol, mas para é preciso preparo físico e usar os acessórios adequados. Começamos a subir e tentamos muito chegar ao topo, mas sem sucesso (chegamos pouco além da metade), e o fiasco pode ter sido por um motivo que aprendemos mais tarde na viagem: o jeito ideal de subir uma duna é com o mínimo de peso possível e com total flexibilidade, ou seja, usando somente meias! Tentamos subir usando nossas pesadas botas de caminhada, um erro de principiante, mas acho que o motivo real do nosso insucesso foi ignorar a academia por alguns meses antes de viajar…

Por ter deixado de ver algumas atrações e pela paixão que a Namíbia gerou, planejo um dia voltar para conhecer as atrações que tive que pular, como o Cânion de Sesriem e uma visita completa ao Sossusvlei.

DSC01175-3DSC01217-6

DSC01188-4
Caminho trilhado pelas pessoas que tiveram a capacidade de chegar ao topo.
DSC01246-9
Subir uma duna de calça jeans e botas é mais uma das coisas a não se fazer.

DSC01307-19DSC01179-16DSC01240-5

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s